Conecte-se conosco

Jaguarari

Everton Rocha, ganha recurso no TSE, por 6×1 e pode concorrer a Reeleição em 2020.

Publicado

em

O TSE, (Tribunal Superior Eleitoral), julgou procedente, neste dia 15 de maio de 2018, recurso especial, apresentado por Everton Rocha, em decisão, quase unânime; 6 votos favoráveis a reforma da decisão de primeiro grau, contra apenas 1 pela manutenção daquela errônea decisão, que o condenava a inelegibilidade por 8 anos, por suposto abuso econômico e propaganda antecipada, no pleito eleitoral de 2012.

A referida denúncia acima, fora protocolada e processada pela coligação do PT (Partido dos Trabalhadores), no pleito eleitoral de 2012, onde se alegava abuso de propaganda extemporânea, em decorrência de um locutor ter dado ênfase ao número 4⃣5⃣, ao anunciar a hora, em um curto período na rádio, o que surpreendentemente, foi capaz, para de forma errônea, atendendo ao pedido da coligação do PT, o juízo de primeiro grau, condenar Everton Rocha, a inelegibilidade por 8 anos, naquele pleito eleitoral de 2012, onde o mesmo, terminou em terceiro colocado, dentre os mais votados.

A referida decisão fora confirmada em segunda instância pelo TRE- BA. ( Tribunal Regional Eleitoral).

Todavia, ao chegar o recurso especial na corte suprema eleitoral, TSE, neste dia 15 de maio de 2018, alguns Ministros chegaram a brincar com o fato, pois o mesmo, como todos sabiam, não tinha potencial lesivo, para causar a inelegibilidade de qualquer candidato, não tendo aquela decisão originária, simetria com o direito, se aproximando mais de uma decisão política.

O ministro Luiz Roberto Barroso, sobre o tema, numerou três pontos, que considerou primordiais, para determinar a reforma do julgado;

1- Não houve pedido explícito de voto do candidato.

2- O tempo total da suposta propaganda eleitoral antecipada, com o anúncio daquela hora pelo locutor, não superou a 01;35s ( um minuto e trinta e cinco segundos), ao longo de 3 meses de campanha.

III- A prova que o fato não teve qualquer gravidade, ao pleito eleitoral de 2012, é que o candidato ficou em terceiro lugar.

Finalizando sua fala o Ministro, diz que ” A infração não teve gravidade suficiente, para justificar uma inabilitação, por 8 anos”, impondo legalmente, a reforma do julgado, em favor de Everton Rocha.

Para o Ministro Luiz Fux, o resultado das eleições de 2012, onde Everton Rocha, terminou em terceiro colocado, e aquela condenação de 8 anos de inelegibilidade, por suposta propaganda eleitoral antecipada, não podia prosperar, pois, não guarda qualquer condição de proporcionalidade, do suposto ato lesivo apontado pela coligação do PT, bem como resultado e a condenação imposta, movito, pelo qual a reforma da decisão se impõe.

Ao final do julgamento, foram contabilizados 6 votos favoráveis a Everton Rocha, contra apenas um da Ministra Rosa Weber, uma vitória esmagadora para Everton Rocha, que na campanha de 2016, viu seus adversários ficarem “vermelhos” de tanto propagarem que o mesmo, não seria candidato, por conta desta situação.

O fato é que hoje esta situação, encontra se definitivamente resolvida, na justiça Eleitoral, conforme decisão final do TSE.

Nesse sentido, Everton Rocha, já está habilitado, caso queira, para disputar a reeleição para prefeito de Jaguarari no ano de 2020, tendo em vista, que conforme conhecimento público, o seu processo de cassação foi fraudado, pelos edis e vice, e nos próximos dias os tribunais superiores, conforme exemplo do TSE, irá proferir decisão de mérito, também favorável a Everton Rocha, por se tratar de direito, tal qual deste caso, que o reconduzira ao seu cargo de prefeito democraticamente eleito de Jaguarari.

Continue Lendo
Clique para comentar

Jaguarari

Trabalho de reciclagem em Juacema terá apoio da prefeitura de Jaguarari

Publicado

em

Na manha desta quinta-feira (21), atendendo convite da Associação Socioambiental e Cultural de Juacema e Adjacências, o Secretário de Infraestrutura e Obras Públicas, Fábio Vieira, participou de reunião e também conheceu um pouco mais sobre o “Projeto Recicla Juacema”, desenvolvido pela associação.

O secretário recebeu por parte da presidente da associação, Zilmária Silva de Sena, a solicitação de equipamentos de EPI, envio de uma caçamba duas vezes por mês para auxiliar na coleta do material reciclado, além de repelente e protetor solar.

Após receber as demandas, o secretário disse que irá buscar a melhor forma de atender a solicitação por parte da associação de Juacema que vem realizando um trabalho importante para a localidade.

ASCOM – Prefeitura de Jaguarari-BA

Continue Lendo

Jaguarari

Prefeitura de Jaguarari intensifica os trabalhos de programa de iluminação publica no município

Publicado

em

A Prefeitura de Jaguarari, através da Secretaria de Administração, iniciou nesta quinta-feira (21) no Distrito de Gameleira, as ações do Programa “Cidade luz, Cidade para todos”. Esta ação faz parte do cronograma de ações do governo municipal que tem como objetivo revitalizar a iluminação das vias públicas do município, deixando-as mais iluminadas e seguras.

A Administração municipal está realizando as ações do programa de iluminação pública, Cidade Luz, Cidade para Todos, por todo o município, tanto na sede como zona rural. Após concluir a troca de lâmpadas queimadas e reatores revitalizando a iluminação da localidade de Catuni da Estrada, o departamento de elétrica realizou o mesmo nas localidades de: Olhos D’água de Baixo, Catuaba e Flamengo.

 “O prefeito Everton Rocha, ao lançar o Programa Cidade Luz, Cidade para Todos, demonstra claramente que está buscando revitalizar a iluminação das vias públicas do município, trazendo mais segurança aos munícipes”, pontuou o secretário de administração.

Ascom: Prefeitura de Jaguarari

Continue Lendo

Jaguarari

Prefeitura de Jaguarari divulga tabela com os jogos da primeira rodada das oitavas de final da Copa Rural 2019

Publicado

em

ASCOM – Prefeitura de Jaguarari

Continue Lendo

Mais Lidas

Copyright © 2019 - Criado por PrecisoCriar | www.precisocriar.com.br