Conecte-se conosco

Noticias

Indenizações do DPVAT na Bahia representam 4,9% do Brasil e somam até R$ 140 milhões

Publicado

em

Foto: Reprodução / EBC

A Bahia concentra 4,9% das indenizações pagas pelo Seguro de Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Via Terrestre (DPVAT) em 2018 em todo o país, de acordo com os dados mais recentes da Seguradora Líder, responsável pelo pagamento do benefício que indeniza vítimas de acidentes de trânsito, sejam motoristas, passageiros ou pedestres.

Em todo o Brasil, a seguradora recebeu um total de 504.542 solicitações de indenização, somente neste ano, até o mês de outubro, e 268 mil foram pagas. Em relação ao tipo de solicitações de indenização, 77% foram por invalidez permanente, 15% por despesas médicas e 8% por morte. De acordo com a seguradora, o total apresentou redução de 12% em comparação com o mesmo período de 2017.

Na Bahia, as solicitações por invalidez somaram 7.982 (60%), por morte 2.303 (17,45%) e por despesas médicas (DAMS) 2.906 (22,03%), o total pago pode chegar a R$ 146.693.700 no estado. Uma vez que os valores pagos variam quanto ao tipo de indenização.

“Nos casos de morte, o valor pago é de R$ 13.500,00. Quando se trata de invalidez permanente, até R$ 13.500,00, variando conforme a intensidade e repercussão da lesão no corpo da vítima, com base em tabela prevista na lei. As despesas médicas e suplementares são reembolsadas em até R$ 2.700,00, considerando os valores gastos pela vítima em seu tratamento”, informou a Líder.

O número de indenizações por morte na Bahia neste ano tornou o estado o segundo com a maior redução no pagamento em todo o Nordeste entre 2017 e 2018. O total de benefícios pagos por despesas médicas aos baianos fez com que o estado fosse um dos em que o número menos cresceu na região, o total registrado ficou atrás apenas da Paraíba. No que diz respeito aos pagamentos por invalidez permanente, a Bahia apresentou a sexta maior redução do Nordeste, região que concentra o maior número de pagamentos do seguro DPVAT, de acordo com a Seguradora Líder.

Ainda conforme o balanço da Líder, o número de indenizações solicitadas neste ano na Bahia apresentou uma redução de 8% em relação ao total registrado no mesmo período do ano passado.

Para que a indenização seja liberada, é necessária a comprovação do acidente de trânsito e dos danos sofridos em consequência do acidente, de acordo com a cobertura pretendida. Para todas as coberturas alguns documentos básicos são exigidos, como RG, comprovante de residência e Boletim de Ocorrência. Além disso, cada cobertura tem uma lista específica de documentos. Nos casos de invalidez permanente, parcial ou total, a sequela permanente deve ser atestada em laudo definitivo ao fim do tratamento médico, emitido pelo Instituto Médico Legal (IML) ou pelo médico responsável pelo tratamento. Em caso de morte, é preciso a apresentação da certidão de óbito. O beneficiário ainda deve comprovar a condição de familiar ou herdeiro legal da vítima. Para reembolsos de despesas médicas e hospitalares, os custos devem ser comprovados por meio de recibos e notas fiscais originais.

A análise dos processos de indenização do Seguro DPVAT e liberação do pagamento é feito em um prazo de até 30 dias, segundo a seguradora. “De acordo com o previsto na legislação, desde que a documentação entregue esteja completa e correta de acordo com a cobertura pleiteada”, afirmou a Líder.

“Atualmente, o prazo para as análises e liberação do pagamento de pedidos do Seguro DPVAT com documentação completa e correta tem levado em 12 dias para todas as coberturas”, completou a seguradora através de nota.

BN

Continue Lendo
Clique para comentar

Noticias

Senhor do Bonfim: Ação coordenada retira barracos existentes no lixão da cidade

Publicado

em

Na manhã desta segunda-feira, (18), aconteceu uma ação de retirada dos barracos existentes dentro do lixão de Senhor do Bonfim, que servia de ponto de apoio para os catadores de lixo. A referida ação faz parte de um TAC- firmado entre o Consórcio de Infraestrutura Piemonte Norte do Itapicuru, Prefeitura Municipal de Senhor do Bonfim e o Ministério Público Estadual.

O objetivo é acabar definitivamente com as moradias existentes dentro do lixão, pondo fim a uma situação desumana e humilhante para os catadores, que viviam expostos a todo tipo de contaminação.

De acordo com o Presidente do Consórcio, Prefeito Dr. Davi Menezes, uma proposta firmada entre a entidade, Prefeitura de Senhor do Bonfim e a Cooperativa dos Catadores, visa beneficiar a categoria através da construção de um galpão para realização de coletas seletivas. A retirada dos barracos foi uma ação coordenada que contou com o apoio da assistência social e das Polícias Civil e Militar. Os catadores poderão atuar provisoriamente no lixão, até que seja providenciado as medidas acima citadas, desde que não durmam no local.

Na manhã de hoje, o Presidente do Consórcio, Dr. Davi, juntamente com o Secretário Executivo, Antônio Cerqueira, estiveram reunidos com o Secretário Estadual de desenvolvimento Urbano, para tratar do Plano Territorial de Resíduos Sólidos, que objetiva contemplar os 10 municípios do Piemonte Norte Itapicuru.

Ascom

Continue Lendo

Filadélfia

Prefeitura de Filadélfia emite comunicado sobre o TFF 2021

Publicado

em

A Prefeitura de Filadélfia informa aos comerciantes que o prazo para pagamento, negociação ou parcelamento da Taxa de Fiscalização do Funcionamento (TFF) está aberto até o dia 26 de fevereiro.

Toda pessoa física ou jurídica estabelecida no município e inscrita no cadastro geral de atividades econômicas deve pagar a TFF.

O comerciante que estiver sem o Alvará de Funcionamento deve procurar o Setor de Tributos, de segunda a sexta-feira, das 8h às 12h para se regularizar. O valor da taxa é cobrado de acordo com cada estabelecimento, o comerciante que realizar o pagamento à vista terá 10% de desconto.

ASCOM – PMF

Continue Lendo

Campo Formoso

PM prende elementos que praticavam roubos no interior de Campo Formoso

Publicado

em

A 54ª CIPM recebeu nos últimos dias, várias denúncias de populares dos povoados de Borges, Lagoa de São Francisco e Queixo Dantas, Interior de Campo Formoso-BA, segundo as quais estaria ocorrendo vários roubos e tentativas de roubos durante toda a semana naquelas localidades.

Segundo as acusações das vítimas, os autores dos crimes seriam H.J. maior de idade e seu irmão adolescente, ambos residentes no povoado de Borges. Ainda segundo populares, os meliantes postavam fotos nas redes sociais portando armas de fogo com o intuito de intimidar a comunidade.

Por volta das 08:30 da segunda feira 18/jan, a guarnição PETO RURAL realizava rondas no povoado de Borges, quando localizaram os suspeitos que foram presos logo após a mãe dos mesmos entregar aos policiais militares 2 espingardas de fabricação caseira e um simulacro de arma de fogo, utilizados pelos meliantes nas práticas delituosas.

Após receberem voz de prisão os dois acusados foram conduzidos à delegacia de polícia civil na cidade de Campo Formoso, para adoção das medidas legais cabíveis.

O comando da 54 CIPM solicita à população de Campo Formoso que denuncie o autor ou os autores de crimes, através do dique denúncia da 54 CIPM (7498873-6490) ou Instagram (@54cipm), sendo garantido o sigilo absoluto das informações recebidas.

Material apreendido:
– 2 espingardas fabricação caseira
– 1 simulacro feito de madeira

Ascom 54ªCIPM

Continue Lendo

Mais Lidas

Copyright © 2019 - Criado por PrecisoCriar | www.precisocriar.com.br