Conecte-se conosco

Noticias

Partidos do ‘Centrão’ perdem 22 deputados na nova Câmara

Publicado

em

Dida Sampaio/Estadão Maia elogiou as propostas de governo de Alckmin e disse que “historicamente” o DEM é aliado do PSDB, e isso deve ser levado em conta.

O bloco de partidos que forma o núcleo do Centrão – PPDEMPRPRB e Solidariedade – encolheu 22 parlamentares e perdeu força na eleição de domingo para a Câmara de Deputados. Juntos, os cinco partidos terão 142 representantes na próxima legislatura, ante 164 em exercício atualmente, uma redução de 13,4%.

Sob a liderança do atual presidente da Câmara, o deputado reeleito Rodrigo Maia (DEM-RJ), os partidos ganharam adesões nas últimas janelas de troca partidária e chegaram maiores para a disputa da eleição, com 164 deputados, além de ativos, como tempo de TV e verbas públicas. O apoio de partidos do Centrão foi disputado pelos candidatos a presidente de todos os espectros, e o bloco fechou aliança com o ex-governador de São Paulo Geraldo Alckmin (PSDB), que terminou a disputa em quarto lugar.

O Centrão ascendeu ao comando da Câmara em 2015, com a eleição do ex-deputado Eduardo Cunha (MDB-RJ) para presidir a Casa contra o nome preferido pelo governo da então presidente petista Dilma Rousseff, que no domingo não conseguiu se eleger para o Senado. O grupo seria crucial para a abertura do processo de impeachment de Dilma, virou base de governo do sucessor, o presidente Michel Temer, e se reorganizou no Legislativo mesmo após a cassação de Cunha, condenado e preso na Operação Lava Jato.

Se comparado com o resultado desses cinco partidos em 2014, quando elegeram 129 deputados, o resultado de domingo representam uma ampliação de 13 parlamentares – o equivalente a 10% a mais. No entanto, à época o Centrão não atuava em bloco. Parte das siglas apoiava Dilma (PP, PR e PRB) e parte estava na oposição, tendo se coligado ao senador tucano Aécio Neves (DEM e Solidariedade). Mesmo no comando de ministérios, os partidos foram abandonado o governo Dilma, em 2016, em meio às articulações do processo de impeachment.

Agora, a tendência é que o bloco volte a rachar no segundo turno da eleição presidencial, entre Jair Bolsonaro (PSL) e Fernando Haddad (PT). Líder de votos no primeiro turno, Bolsonaro já desprezou, ao menos publicamente, o apoio desses partidos. Aliados dele, porém, já fizeram chegar ao comando das legendas sinais de aproximação. É o caso do PRB, ligado à Igreja Universal do Reino de Deus, cujo líder religioso, o bispo Edir Macedo, declarou apoio a Bolsonaro. A ala judaica da campanha do PSL é próxima ao PRB e à Universal. A cúpula do DEM também prefere Bolsonaro. Ao votar neste domingo no Rio, Rodrigo Maia indicou afinidade pelo colega de Câmara. Ele criticou o PT, disse que concorda com propostas econômicas de Bolsonaro e afirmou que “nosso lado ideológico está mostrando grande maioria no Rio e no Brasil”.

Haddad, por sua vez, recebeu apoio hoje da Força Sindical, braço de sustentação do Solidariedade, e deverá ter ao seu lado deputados de PP e PR com base no Nordeste e que fizeram campanha, assim como o presidenciável, com a imagem do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, condenado e preso na Lava Jato. “A Força Sindical decidiu indicar aos seus filiados o apoio ao candidato Haddad no segundo turno”, publicou no Twitter após reunião com dirigentes o secretário-geral da central, João Carlos Gonçalves, o Juruna, braço direito de Paulinho da Força (SP), deputado reeleito que preside o Solidariedade.

Continue Lendo
Clique para comentar

Itiuba

Embasa trabalha para regularizar fornecimento de água em Itiúba

Publicado

em

A Embasa informa que o fornecimento de água em Itiúba foi afetado desde ontem (19) após equipamentos de bombeamento de água apresentarem mau funcionamento. As localidades de Rômulo Campos, Picos, Cacimbas e Fazenda Carrapato tiveram o abastecimento totalmente suspenso, enquanto parte da sede municipal recebe água em vazão reduzida proveniente da Barragem de Ponto Novo. 

A divisão eletromecânica da Embasa está realizando a substituição dos equipamentos e deve concluir os trabalhos totais, incluindo serviços de manutenção, na próxima sexta-feira (22). Após a conclusão, o abastecimento de água será retomado em sua vazão normal, com regularização gradativa. A empresa pede a compreensão da população afetada.

Assessoria de Comunicação da Embasa

Continue Lendo

Jaguarari

Prefeitura de Jaguarari disponibiliza ouvidoria para atendimento ao cidadão

Publicado

em

A Prefeitura de Jaguarari disponibiliza a partir desta quarta-feira (20) o canal da “Ouvidoria Municipal” para se aproximar ainda mais da população, que ganha um espaço onde podem fazer suas reivindicações, sugestões, reclamações ou também propor idéias e iniciativas a administração municipal. A ouvidoria está instalada na sede da prefeitura, em frente à Praça Alfredo Viana, Centro, ou pelo telefone (74) 99977-0507, de segunda à sexta-feira, das 08:h às 12:h e das 14:h às 17h.

Para o Prefeito Everton Rocha, o serviço é uma forma de mediar e estreitar o relacionamento entre o cidadão e administração. “A partir da manifestação do cidadão, a ouvidoria busca melhorar a qualidade de atendimento de serviços públicos oferecidos a população”, pontuou o prefeito.

A ouvidoria já está estruturada e conta com um servidor responsável por registrar os contatos telefônicos e encaminhar estas demandas aos setores competentes dentro da administração municipal. Entre as tarefas da ouvidoria, estão: assegurar os direitos do cidadão; responder com clareza a todas as informações solicitadas e orientar sobre como proceder para solucionar o problema, se não puder atender à solicitação.

ASCOM – Prefeitura de Jaguarari

Continue Lendo

Noticias

Solidariedade ao GUERREIRO DE LUZ! DORI!!!

Publicado

em


Alegria substituída por tristeza e muita dor.

Tanto a acusação quanto o ato de condenação em minha humilde opinião foram atitudes arbitrárias no campo do judiciário, e ocorreram a partir de elementos que não configuram provas concretas de crime praticado.

Estamos assistindo uma verdadeira politização do Direito e a lógica “punitivista exemplar” operam, nesta condenação, como uma ameaça à democracia e ao direito de manifestação cultural de qualquer cidadã e cidadão Bonfinense em defesa de um dos nossos maiores patrimônio cultural.

É de gerar questionamentos e indignação a afirmação do Juiz de que o réu pratica terror à sociedade e produz ameaça a nossa população praticando uma cultura centenária em nossa cidade.

A utilização do Direito Penal, baseado nas características da acusação exclui da decisão as garantias constitucionais e instala mais um “punitivismo” fora de uma perspectiva constitucional de julgamento e defesa, na democracia plena.

Vejamos o que expressa os art. 215 da nossa constituição;

“Art. 215. O Estado garantirá a todos o pleno exercício dos direitos culturais e acesso às fontes da cultura nacional, e apoiará e incentivará a valorização e a difusão das manifestações culturais.
§ 1.º O Estado protegerá as manifestações das culturas populares, indígenas e afro-brasileiras, e das de outros grupos participantes do processo civilizatório nacional”.

Condenar pessoas por características de liderança para usar como exemplo é injusto, preconceituoso e deixa evidente a fragilidade do julgamento e da sentença decretada.

Publicamente, manifestamos nossa indignação e solidariedade aos espadeiros “condenados”, através de ODORIVALDINO SOARES BRANDÃO.

Marlon Reis

blogdowalterley

Continue Lendo

Mais Lidas

Copyright © 2019 - Criado por PrecisoCriar | www.precisocriar.com.br