novembro 12, 2018 7:49 pm
Home / Noticias / Sigilo do voto: Polícia Federal vai investigar eleitores que fotografaram urna eletrônica no primeiro turno

Sigilo do voto: Polícia Federal vai investigar eleitores que fotografaram urna eletrônica no primeiro turno

Três eleitores que fotografaram a urna no primeiro turno das eleições serão investigados pela Polícia Federal. Eles podem responder pelos crimes de violação do sigilo do voto e até corrupção eleitoral. Os investigados, todos de Boa Vista, em Roraima, utilizaram um celular para registrar o momento do voto, o que pode levar a detenção de até 2 anos.

A Polícia Federal abriu a investigação e encaminhou a decisão ao Ministério Público. Se houver indícios de prática de corrupção eleitoral, a pena de reclusão pode ser de até 4 anos mais multa. Isso porque o registro da urna pode ser usado como prova pelo eleitor que tenha vendido o voto, funcionando como moeda de troca.

Logo após o 1º turno, a Polícia Federal fez busca e apreensão na casa de um outro eleitor, do Paraná, que votou usando uma arma. A polícia verificou que a arma era de brinquedo, mesmo assim o eleitor foi indiciado pelo crime eleitoral de violação do sigilo do voto.

blogdoeloiltoncajuhy

Você pode Gostar de:

Senhor do Bonfim inicia mutirão de combate à leishmaniose

A Coordenação de Endemias em parceria com a Vigilância Sanitária com o plano de manter …