novembro 12, 2018 8:10 pm
Home / Noticias / Vício em videogames é classificado como distúrbio de saúde mental pela OMS

Vício em videogames é classificado como distúrbio de saúde mental pela OMS

A Organização Mundial da Saúde (OMS) decidiu nesta segunda-feira (18) classificar a compulsividade por videogames como uma nova condição de saúde mental. Avaliada desde 2014, a decisão está incluída na nova Classificação Internacional de Doenças (CID). A definição para “gaming disorder” (transtorno de jogo) tem o objetivo de orientar a identificação do problema. De acordo com o diretor do Departamento de Saúde Mental da OMS, Shekhar Saxena, há demanda para tratamento do transtorno em várias partes do mundo. Segundo o jornal O Estado de S. Paulo, a porta-voz da British Psychological Society, Joan Havey, alertou que a nova classificação pode levar a preocupações desnecessárias entre os pais. Por outro lado, outros pesquisadores consideram a decisão pertinente. “Nós lidamos com pais que estão preocupados, não só porque eles estão vendo as suas crianças largarem a escola, mas porque eles estão vendo toda a estrutura familiar colapsar”, afirmou Henrietta Bowden-Jones, da Britain’s Royal College of Psychiatrists. Para o diagnóstico do vício em videogame, a OMS diz que é necessário haver um comportamento extremo com consequências sobre as “atividades pessoais, familiares, sociais, educativas ou profissionais” e, “em princípio, manifestar-se claramente sobre um período de pelo menos 12 meses”.

BN

Você pode Gostar de:

Senhor do Bonfim inicia mutirão de combate à leishmaniose

A Coordenação de Endemias em parceria com a Vigilância Sanitária com o plano de manter …